O Antagonista e o Brasil247 no mesmo barco

O Antagonista e Brasil 247

Dois grandes meios de comunicações, que estão sempre na internet defendendo suas bandeiras, foram citados em delações da Lava Jato.

O portal Brasil247, que defende a esquerda brasileira e o PT, foi acusado de receber propina do lobista Milton Pascowitch. Na delação o lobista falou que repassou R$ 180 mil reais à Editora 247 Ltda, a pedido de Vaccari. Na época o portal Brasil247 disse que era mentira.

O portal O antagonista, que defende a direita brasileira e o PSDB, teve o seu responsável, Diogo Mainardi, citado pelo ex-vice-presidente da Odebrecht, Henrique Valladares, em delação premiada envolvendo o senador Aécio Neves (PSDB-MG). O delator disse que Mainardi foi visto jantando com Aécio e o empresário Alexandre Accioly, em um encontro em que teriam sido negociadas propinas da empreiteira. Na época, o Jornalista negou o fato, escrevendo no seu site que “esse delator inventa coisas. ”

E o brasil segue com cada um defendendo o seu.

Folha de Brasília, da Redação

Compartilhar